Assassinado com 20 tiros na fronteira seria professor envolvido em assalto a banco

Ele teria sido preso em 2016 no Piauí pelo roubo

Homem encontrado morto na manhã de segunda-feira (24) em Ponta Porã, cidade a 346 quilômetros de Campo Grande, seria Eudismar Abreu Santos, de 35 anos, natural do Piauí. Familiar ligou para a polícia e relatou que ele estaria foragido.

Conforme as primeiras informações do delegado Patrick Linares, titular da 2ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã, há suspeita de que a vítima seja Eudismar e é aguardada confirmação do Papiloscopista. A vítima foi encontrada morta na manhã de segunda-feira com várias perfurações de tiros e coberta por uma lona.

A princípio, foram mais de 20 tiros de pistola 9mm. O caso segue em investigação e até o momento não há detalhes sobre a motivação do crime.

Passagem e prisão

Eudismar foi preso em 2016 no interior do Piauí, por assalto a banco. O professor de inglês foi detido com comparsas e com eles foram apreendidos explosivos, detonadores, revólveres, espingarda e dois veículos roubados.

Mais notícias