Publicidade

PMs são condenados por cobrar R$ 150 mil para liberar carga de cigarro

Sete policiais militares foram condenados pelo Tribunal de Justiça Militar pela cobrança de R$ 150 mil para a liberação de um caminhão com carga de cigarros contrabandeados. A assessoria de imprensa da Polícia Militar confirmou a condenação.

O caso aconteceu na madrugada do dia 2 de dezembro do ano passado em Campo Grande. Um dos policiais presos, o sargento Alex Duarte de Aguir, foi condenado a mais de 8 anos de prisão.

Caso

Denúncia levou à prisão dos policiais militares na madrugada do dia 2 de dezembro em Campo Grande, pela suspeita da cobrança de R$ 150 mil para a liberação de um caminhão com carga de cigarros contrabandeados.

De acordo com a Polícia Militar na época, os policiais foram autuados na Corregedoria. Os policiais foram acusados de cobrar R$ 150 mil para a liberação de um caminhão carregado com cigarros contrabandeados, vindo do Paraguai. Eles foram detidos em uma investigação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado).

Mais notícias