Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Sete horas após execução de empresário, tatuador é assassinado em Ponta Porã

Dois casos de homicídio na cidade de MS da fronteira

Sete horas após a execução o empresário Vanderlei Almeida, de 46 anos, Ponta Porã, cidade a 325 quilômetros de Campo Grande, um tatuador conhecido como Nico, foi assassinado a tiros em frente ao seu comércio nesta quarta-feira (05).

O crime ocorreu na Rua Marechal floriano esquina com a Baltazar Saldanha. A polícia foi acionada e até o momento, ninguém foi preso.

Assassinato de empresário

Pistoleiros executaram o empresário Vanderlei Almeida, de 46 anos, no início da tarde desta quarta em frente de casa, na Rua Antônia Capile, no bairro Jardim Universitário da cidade de Ponta Porã.

Testemunhas disseram que viram uma caminhonete de cor branca se aproximar do empresário. Sem dizer nada, os ocupantes do veículo efetuam diversos disparos de pistola 9 milímetros e fugiram em seguida.

Vanderlei chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo após dar entrada ao Hospital Regional da cidade.

Ele era proprietário de caminhões e de uma empresa de ônibus na cidade de Ponta Porã.

Investigadores do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Policia Civil recolheram imagens de câmeras de segurança que poderão ajudar na identificação dos assassinos. (Foto: Ponta Porã Informa)

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...