Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Por causa de botijão de gás, homens se esfaqueiam e um morre

Um morreu antes de chegar no hospital. O outro foi atendido e depois preso

Durante uma briga, por causa de um botijão de gás furtado, Júnior Fernandes, de 45 anos, foi morto ao ser atingido por 3 facadas na noite deste sábado (25) em Rio Brilhante, a 161 quilômetros de Campo Grande. O autor do crime, de 43 anos, também foi ferido, com uma facada no peito, precisou de atendimento médico e depois foi preso.

De acordo com informações da polícia, quatro homens estavam na casa da vítima consumindo bebidas alcoólicas. Em um determinado momento começou uma discussão por causa de um suposto furto de um botijão de gás, ocorrido já há algum tempo.

O autor do crime teria acusado o sobrinho da vítima de ter furtado o botijão. Os três homens ficaram exaltados e expulsaram o homem da casa. Momentos depois ele retornou a residência para buscar sua bicicleta, que havia esquecido no local. Um dos envolvidos a arremessou, dando iniciou a uma nova discussão.

Durante a confusão o dono da bicicleta teria sido atingido por uma facada no peito, desferida por Júnior. Nesse momento ele teria conseguido tirar uma faca que guardava na cintura e dado três golpes, na perna, nas costas e no abdômen de Júnior, que morreu antes de chegar ao hospital.

O autor, que estava ferido, saiu correndo e bateu na casa de mulher pedindo socorro. Ela acionou a Polícia Militar. O homem foi encaminhado ao hospital e depois para a delegacia onde foi dada voz de prisão por homicídio simples.

Em diligências a polícia ouviu testemunhas que presenciaram a briga. Outras três pessoas ainda devem ser ouvidas.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...