PMA encontra armas, munição, petrechos e até carcaça de jacaré em esconderijo de caçador

Homem não foi localizado, mas foi autuado em mais de R$ 6 mil

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa flagrou na madrugada da quinta-feira (18) um caçador de 48 anos que mantinha esconderijo com armas e munições, além de pescados ilegais e até a carcaça de um jacaré em Paraíso das Águas, a 275 km da Capital.

De acordo com a PMA, uma denúncia anônima de caça e pesca predatória conduziu a fiscalização ao local, nas margens do rio Sucuriú, nas proximidades da BR 060, km 62. Em um barraco no local, foram encontradas três espingardas, petrechos para recarga de munição (espoleta, pólvora e chumbo), redes de pesca (petrecho proibido) e uma cabeça de jacaré jogada no quintal.

Um freezer com 25 kg de pescado, carnes e linguiças também foram encontrados. A suspeita é que sejam de animais silvestres e uma perícia será realizada. O infrator não estava no local, mas irmãos dele confirmaram que ser de posso do suspeito todo material encontrado. A diligência em busca do infrator ocorreu por toda a quinta e manhã desta sexta (19), mas o homem ainda não foi encontrado.

As armas e munições ilegais, os petrechos de pesca ilegais, a carne e o pescado, com características de ter sido capturado com petrechos ilegais do tipo rede, foram apreendidos e encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Paraíso das Águas.

Mesmo não sendo preso, o infrator responderá por crimes de pesca e caça predatórias. A pena por pesca ilegal é de um a três anos de detenção. Para a caça a pena é de seis meses a um ano de prisão. O caçador também foi autuado administrativamente e multado em R$ 6.060,00 pela caça e pesca predatória.

Mais notícias