Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Identificado motociclista que morreu carbonizado no anel viário

Foi identificado como Ronaldo Freire da Silva, de 38 anos, o motociclista que morreu carbonizado em acidente no viaduto localizado no anel viário da saída para Três Lagoas, em Campo Grande. A moto que ele conduzia, uma honda Fan 125, explodiu depois de a vítima perder o controle da direção e bater em um caminhão bitrem.

De acordo com informações da polícia, o acidente foi registrado por câmeras de monitoramento instaladas na rodovia. O motociclista seguia pela BR-262 e o acidente teria acontecido no momento em que ele entrava em alça de acesso para a saída de Cuiabá. A moto teria colidido contra o último jogo de rodas do caminhão que mede 26 metros e pegado fogo em seguida.

A suspeita é de que o caminhoneiro, que continuou viagem, não tenha percebido o acidente. Ele foi parado quilômetros à frente por um policial federal que o encaminhou para um posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

O caso

Motociclista ainda não identificado morreu carbonizado na tarde desta quarta-feira (7), em um viaduto localizado no anel viário da saída para Três Lagoas, em Campo Grande.

Acionada, equipe da CCR Ms Via foi até o local e encontrou o corpo e a moto ainda em chamas. O fogo foi contido e o local sinalizado até a chegada de equipe da Polícia Civil. Parte do trânsito na via foi interditado.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...