‘Caso Pitboys’: Justiça livra três e decide que Jhonny vai a júri por espancar jovem

Suspeito vai responder por tentativa de homicídio qualificado 

O juiz Carlos Alberto Garcete da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande livrou três dos quatro suspeitos de espancar um jovem de 18 anos na saída de uma festa em setembro de 2016. Somente Jhonny Celestino Holsback, de 21 anos, vai a Júri popular por tentativa de homicídio no espancamento que ficou conhecido como ‘Caso Pitboys’, e que teve imagens da agressão vazadas nas redes sociais.

Conforme decisão proferida no dia 18 deste mês, Jhonny vai responder pelo crime de tentativa de homicídio qualificado por ter sido praticado por motivo fútil e que dificultou a defesa da vítima.

Alessandro Ronaldo Mosca Junior, de 21 anos, o ‘Coruja’, e  José Guilherme Weiler, de 22 anos, foram desqualificados do crime de tentativa de homicídio.  Já Eduardo Paula Mendonça Filho, de 23 anos, que deu carona para Jhonny até o local onde a vítima estava e foi agredida, foi impronunciado, jé que no entendimento do magistrado “não há indícios suficientes da autoria quanto à prática do crime de tentativa de homicídio”.

Agora, a sentença deve ser comunicada ao Ministério Público Estadual que pode concordar ou recorrer da decisão do Juiz.

O caso

As agressões aconteceram depois que os quatro jovens foram avisados que o rapaz de 18 anos havia urinado em dois carros, o de Jhonny e o de José Guilherme. Mesmo ameaçado pelos conhecidos da dupla, a vítima foi embora andando, na companhia de dois amigos, para a casa de um deles.

Os quatro rapazes foram de carro até a residência onde a vítima deveria ficar, para esperar por ele. Ao ver a movimentação na frente da residência, a vítima correu, mas foi perseguida e alcançada por ‘Coruja’, também denunciado pelo crime.
Ele teria começado as agressões com chutes, até a chegada do Jhonny. A vítima foi atingida por socos, chutes, tapas e chegou a ser arrastada pelo asfalto. José Guilherme também participou da briga e agrediu o rapaz quando ele já estava caído.

Só depois disso, Jhonny aplicou um mata-leão na vítima. A cena foi gravada e nas imagens é possível ver a rapaz inconsciente, mas ainda assim, recebendo golpes na cabeça.

‘Caso Pitboys’: Justiça livra três e decide que Jhonny vai a júri por espancar jovem
Mais notícias