Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Cabo da PM de férias salva bebê de 1 ano engasgado com leite

Militar realizou procedimento de desobstrução das vias da criança 

A gritaria de moradores do Bairro Vila Carlota, em Campo Grande, foi o sinal de que algo não ia bem. Era pouco mais de 18 horas de sexta-feira (2) e o instinto militar indicava a Jonathan Vasconcelo que era preciso ajudar, mesmo em meio as merecidas férias. Ao verificar o que acontecia, o cabo da Polícia Militar de 36 anos encontrou uma criança de um anos e seis meses desacordada depois de engasgar.

“Ouvi pessoas pedindo socorro e quando saí na frente de casa vi que o filho da vizinha de 1 anos e seis meses engasgado. Ele já estava todo molinho nos braços da avó”, conta o militar de 36 anos e que a 11 integra a corporação da PM.

Desesperada a mãe do recém-nascido contou que o filho havia se engasgado com leite e não conseguia respirar. “Rapidamente fiz o procedimento para desobstruir as vias da criança para que ele pudesse voltar a respirar”, lembra.

Momentos depois, o cabo conta que o choro da criança foi o sinal que trouxe alívio para ele e para a família do garoto, que por um momento, chegou a pensar que o bebê não resistiria. “Foi um alívio quando ele começou a chorar e fiquei com ele no colo até a chegada dos bombeiros. Todo mundo em volta estava muito desesperado e chorando, tentei manter a calma e passar tranquilidade a eles”, relata.

Passado o susto, Jonathan conta que até hoje é parado por pessoas que o parabenizam e agradecem pelo caso inédito nos 11 anos em que é policial. “Nunca passei por uma situação do tipo, mas como policial temos de estar sempre prontos a ajudar e isso é o que dá a sensação de dever cumprido”, finaliza.

 

Você pode gostar também