Arma usada para matar comerciante em Sidrolândia é apreendida com adolescente

A arma estava enterrada no quintal da casa do menor

Três dias após o latrocínio que acabou na morte do comerciante Paulo César Buchanelli, de 47 anos, na cidade de Sidrolândia, a 70 quilômetros de Campo Grande, policiais do Batalhão de Choque encontraram a arma utilizada para cometer o crime com um adolescente de 14 anos.

Após rondas pelo Jardim Paraíso, na intenção de encontrar o autor dos disparos, o menor foi abordado e contou aos policiais que Wellison Sanches Fragoso conhecido como ‘Pipoca’, estava pilotando a motocicleta e um outro comparsa, conhecido como “Guimê” foi quem efetuou os disparos contra a vítima.

Conforme registro policial, após realizarem o delito, o autor dos disparos entregou a arma do crime para o adolescente e pediu para que ele guardasse em sua residência.

Os policiais se dirigiram até a residência do menor e encontraram o revólver da marca Taurus, calibre 32 enterrado no quintal. Ele foi apreendido e entregue na Delegacia de Polícia de Sidrolândia.

Até o momento,  Wellison que conduzia a moto, foi preso, o autor dos disparos continua foragido.

Caso

A dupla estava em uma motocicleta e surpreendeu Paulo, que era comerciante, em frente a agência bancária. Eles efetuaram disparos, sendo que um tiro atingiu o peito da vítima, que foi socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital.

Os bandidos levaram o malote de dinheiro que estava com Paulo. Câmeras de segurança flagraram toda a ação dos bandidos.

Arma usada para matar comerciante em Sidrolândia é apreendida com adolescente
Mais notícias