Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Garota de 11 anos denuncia padrasto após 2 anos de estupros dentro de casa

Menina seria estuprada desde os 9 anos

Foram necessários dois anos para que uma criança de 11 anos vencesse o medo e denunciasse a violência sexual que vinha sofrendo do seu padrasto de 35 anos. Na última semana, a criança contou à avó de 75 anos que o marido de sua mãe a estuprava toda vez que ela a visitava.

O homem ameaçava a criança de morte para que ela não revelasse os abusos. Os abusos aconteceram por aproximadamente dois anos.

Na noite de terça-feira (15/5), a avó de 75 anos procurou a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande. O caso será investigado pela DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher).

A vítima contou que a violência começou quando ela tinha 9 anos e acontecia sempre que a menina ficava sozinha com o padrasto.

Ainda segundo o relato feito à polícia, a vítima era obrigada a diversas práticas sexuais com o padrasto.

De acordo com o site Dourados News, a criança sempre era ameaçada pelo padrasto de 35 anos para não contar o que acontecia a ninguém.