Uno apreendido pela PM teria sido usado em ‘onda de furtos’ em Aquidauana

‘Arrastão’ de suspeitos teve fim na Capital após furto a casa de PM

Uno Vivance, azul, apreendido por militares do Batalhão de Choque da Polícia Militar, em Campo Grande, nesta sexta-feira (7) pode ser o mesmo usado por bandidos em Aquidauana, a 143 km de Campo Grande, no último dia 28 de junho, segundo a Polícia Civil.

Na última semana de junho, a cidade de Aquidauana sofreu uma ‘onda’ de assaltos em que um Uno, azul, usado pelos criminosos foi registrado pelas câmeras de segurança. De acordo como delegado Eder Oliveira Moraes, da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, uma equipe se desloca para Campo Grande em buscas de mais informações, mas, a princípio, são as mesmas características.

“Embora não seja uma cor comum, não temos as placas nas imagens gravadas por câmeras de seguranças, mas ao que tudo indica pode ser o mesmo veículo”, disse o delegado.

Somente no dia (28), três residências foram invadidas em diferentes pontos da cidade de Aquidauana, em horários alternados, porém com as mesmas características. Todos os crimes aconteceram da mesma forma, durante curto intervalo de tempo em que os moradores se ausentaram.

Campo Grande

Um jovem de 22 anos foi preso, nesta sexta, suspeito de furtar a casa de um policial militar. Giovanni de Souza Almeida, que seria o dono de Uno Vivace usado no crime, foi detido em casa, no Bairro Estrela do Sul. Um comparsa já identificado pela polícia, deve se apresentar na próxima segunda-feira (10). Um carro modelo VW Gol também foi apreendido.

A PM chegou até Giovanni, na Rua Papilon, no Bairro estrela do Sul, que seria o proprietário do Uno, porém, à polícia, o suspeito disse que trocou o veículo por um VW Gol, com um homem identificado por Silvano Alan Garcia de Souza.

Em checagem a placa do veículo VW Gol, os militares constataram que o carro também estava com restrição por ter envolvimento em ocorrência de furto, neste ano. Na casa de Silvano, a polícia só encontrou o advogado, que se apresentou como Telmo Cesar, que informou que já sabia que estavam atrás de seu cliente, porém que o apresentaria na delegacia de Polícia Civil, na próxima segunda-feira (10).

Os dois carros usados nos crimes em série foram apreendidos pela Polícia. Na casa de Giovanni, a polícia também encontrou arma, munição e droga. (Colaborou Giselli Figueiredo, de Aquidauana)

Mais notícias