Empresas são multadas por transporte ilegal de 120 mil litros de combustível

Licença que permite o transporte estava vencida

​Duas empresas foram multadas em R$ 30 mil, cada uma, por transporte ilegal de 120 mil litros de etanol. A licença ambiental, que permite o transporte, estava vencida. A fiscalização ocorreu na BR-262, na altura do km 4, em Três Lagoas, a 338 km da Capital.

Um dos veículos, um cavalo tractor acoplado a uma carreta do tipo tanque bitrem, transportava 60 mil litros de etanol (produto perigoso) com a licença ambiental, que permitiria o transporte, vencida. 

A carga e o veículo pertenciam a uma empresa de transporte de derivados de petróleo de Rio Claro (SP). O veículo e o combustível foram apreendidos.

Pelo mesmo motivo, outra empresa com domicílio jurídico em Campo Grande teve 60 mil litros de etanol e um veículo tractor com carreta tanque bitrem apreendidos.

As empresas transportadoras de derivados de petróleo foram autuadas administrativamente e multadas em R$30.000,00 cada uma. O produto perigoso e os veículos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas. 

Empresas são multadas por transporte ilegal de 120 mil litros de combustívelOs responsáveis pelas empresas responderão por crime ambiental de funcionar atividade potencialmente poluidora em desacordo com a licença ambiental, que prevê pena de prisão de três a seis meses.

Também poderão responder por crime ambiental de transporte ilegal de produto perigoso, que prevê pena de um a quatro anos de reclusão.

Empresas são multadas por transporte ilegal de 120 mil litros de combustível
Mais notícias