Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Agência suspeita de superfaturar para órgãos públicos é alvo da PF

Mandados de busca e apreensão

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (24) uma operação contra uma agência de turismo, na Capital, sob suspeita de superfaturamento na venda de passagens aéreas entre os anos de 2012 e 2016.

Informações são de que após vencer licitações a agência de turismo passou a fornecer passagens aéreas nacionais e internacionais a órgãos públicos, com a suspeita de preços superfaturados de bilhetes por meio de fraude na cobrança.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na agência de turismo e na casa da proprietária da agência. A dona da agência teria desenvolvido um sistema próprio que permitia alterar os valores da passagem acima do preço real.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...