Mundo

Polícia libera jovens presos durante protestos contra presidente do Paraguai

A justiça paraguaia determinou a liberação de mais de 20 pessoas, na maioria jovens, que estavam presa em decorrência dos protestos contra o presidente do Paraguai Mario Abdo Benitez, o Marito, que aconteceram no final de semana em Assunção. Segundo o promotor Juan Carlos Ruiz Díaz,  todos foram liberados, por falta de provas. Ele disse ao […]

Marcos Morandi Publicado em 09/03/2021, às 08h32 - Atualizado às 08h33

Manifestantes presos já foram soltos pela polícia.(Foto: Fernando Romero)
Manifestantes presos já foram soltos pela polícia.(Foto: Fernando Romero) - Manifestantes presos já foram soltos pela polícia.(Foto: Fernando Romero)

A justiça paraguaia determinou a liberação de mais de 20 pessoas, na maioria jovens, que estavam presa em decorrência dos protestos contra o presidente do Paraguai Mario Abdo Benitez, o Marito, que aconteceram no final de semana em Assunção.

Segundo o promotor Juan Carlos Ruiz Díaz,  todos foram liberados, por falta de provas. Ele disse ao ABC Color, que a polícia continuará a coletar imagens e depoimentos para verificar “a conduta” dos suspeitos e, assim, ter elementos suficientes para a denúncia.

O promotor explicou que ainda não possui os depoimentos da polícia ou as imagens solicitadas à imprensa e ao 911, que confirmariam o comportamento criminoso. Por isso, determinou que sejam liberados,  enquanto prosseguem as investigações.

Jornal Midiamax