Trump afirma que Kim Jon-un expôs corpo decapitado de tio

Ato teria ocorrido como forma do ditador norte-coreano demonstrar seu poder

O presidente dos Estados Unidos, , afirmou que o corpo sem cabeça do tio de Kin Jong-un, executado pelo próprio sobrinho, foi exposto a funcionários do alto escalão norte-americano como uma expressão de poder.

A declaração de Trump ocorreu durante uma entrevista ao jornal Washington Post, como uma forma do presidente afirmar sua relação íntima com Kin Jong-un.

“Kim me contou tudo. Disse-me tudo”, declarou Trump. “Ele Matou seu tio e colocou o corpo na escada e a cabeça foi cortada e colocada no peito” afirmou o presidente, segundo publicado no portal IG.

Jang Song Thaek, tio de Kim, era uma pessoa poderosa no regime norte-coreano e foi acusado de traição e corrupção em 2013. A Coréia do Norte nunca declarou oficialmente como Jang foi executado, mas relatos sugerem que foi usada uma arma antiaérea.

Trump afirma que Kim Jon-un expôs corpo decapitado de tio
Mais notícias