Novo surto de ebola é registrado no Congo e matou 4 pessoas, revela OMS

Segundo organização da saúde, até o momento foram registrados 6 casos

Um novo surto de ebola foi registrado nesta segunda-feira (1°) em Mbandaka, que fica localizada na província de Équateur, na República Democrática do Congo. Segundo apontou a OMS (Organização Mundial da Saúde), foram detectados 6 casos da doença, incluindo 4 mortes.

O anúncio do novo surto chega em um momento delicado no leste do Congo, que vivia a expectativa de finalizar um longo período da doença. Além disso, o país enfrenta a pandemia do novo coronavírus e encara o maior surto de sarampo do mundo. A OMS foi notificada pelo Ministério da Saúde do Congo e detalhou que dos 6 casos notificados, quatro deles vieram a óbitos e os outros dois estão sob cuidados médicos. Três desses seis casos foram confirmados com testes de laboratório.

“Este é um lembrete de que o COVID-19 não é a única ameaça à saúde que as pessoas enfrentam”, declarou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.”Embora grande parte de nossa atenção esteja voltada para a pandemia, a OMS continua monitorando e respondendo a muitas outras emergências de saúde”.

Este é o 11° surto da doença no Congo desde que o vírus foi descoberto no país, em 1976. A cidade de Mbandaka e seus arredores já apresentaram um surto, o nono do pais, que ocorreu de maio até julho de 2018 e vitimou 33 pessoas.

Novo surto de ebola é registrado no Congo e matou 4 pessoas, revela OMS
Mais notícias