Mundo se aproxima de 900 mil mortes por covid

A compilação de casos por covid-19 no mundo realizada pela universidade americana Johns Hopkins se aproxima nesta quarta-feira, 9, da marca de 900 mil mortes. A universidade contabiliza 899.932 mortes confirmadas por covid-19, com 27,6 milhões de contaminações confirmadas no mundo todo.

Os Estados Unidos lideram o total de pessoas contaminadas globalmente, com 6.354.869 de contaminações confirmadas e 190 589 mortes pela doença desde o início da pandemia. Na sequência aparece a Índia, com 4,3 milhões de casos, seguida do Brasil, que agora registra 4,1 milhões de pessoas contaminadas.

No Reino Unid o primeiro-ministro Boris Johnson anunciou que encontros com mais de seis pessoas ficam proibidos no país a partir da próxima segunda-feira, 14, para conter a disseminação da covid-19.

“Precisamos agir. Os dados mostram que as coisas pioraram muito com o relaxamento da quarentena. Para vencermos o vírus, todo mundo deve limitar contato social o máximo possível”, disse o primeiro-ministro. “Mas quero ser absolutamente claro: não se trata de um novo nacional. Ainda podemos manter escolas e empresas abertas”, acrescentou.

O Reino Unido tem registrado picos de contaminação do novo coronavírus. De acordo com dados do Ministério da Saúde britânico, foram registrados, desde o início da pandemia, 355 219 casos confirmados e 41.594 mortes.

Na os números diários de covid-19 aumentaram em mais de 8 500 casos pela terceira vez em seis dias. Nesta quarta-feira foram registrados 8.577 novos casos da doença, o segundo maior número de infecções diárias desde o início da pandemia no país.

O número acumulado de casos de covid-19 na agora é de 344 101 contaminações e 30.794 mortes.

Em também foi registrado o maior número de casos diários de covid-19 desde abril, com 646 novos registros. A secretária de saúde do país, Jamila Madeira, disse em entrevista coletiva que a transmissão ocorre principalmente nas famílias. De acordo com dados do Ministério da Saúde português, o país registra o total de 61.541 casos confirmados e 1.849 óbitos decorrentes da doença.

A situação se repetiu na Holanda, que registrou o maior número de casos diários no desde abril, com 1.140 nas últimas 24 horas, de acordo com o ministro da saúde holandês.

Mundo se aproxima de 900 mil mortes por covid
Mais notícias