Menos pessoas reportaram coronavírus nos últimos dois dias, afirma OMS

Segundo o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, os números podem voltar a subir

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, afirmou em atualização diária que menos pessoas reportaram infecção por coronavírus nos últimos dois dias. Mas “os números poderiam subir de novo”, ponderou.

Nesta quinta-feira, 6, pelo horário de Brasília, a China afirmou que o número de infecções ultrapassou 31 mil, enquanto o de mortes subiu a 636. O levantamento mais recente da OMS, divulgado nesta quinta-feira, dá conta de 28.276 casos no mundo e 565 óbitos, com apenas um delas fora de solo chinês até o momento, nas Filipinas.

O líder da OMS afirmou, ainda, que o mundo tem enfrentado uma escassez de equipamentos de proteção pessoal contra o coronavírus.

Mais notícias