‘Mais divertido’: empresário cria máscaras com estampas de rostos de clientes

A ideia surgiu após o isolamento social colocar a antiga empresa em risco

As máscaras se tornaram um acessório muito importante para evitar a transmissão do coronavírus. Em muitas cidades, o item se tornou obrigatório em ruas e estabelecimentos públicos. Para dar um toque mais humanizado nessa nova realidade, um empresário belga decidiu inovar.

A ideia surgiu depois que o isolamento social na Bélgica colocou os negócios da sua antiga empresa de promoção de eventos em risco.

Usando uma cabine fotográfica, um software e um aplicativo para celular, Charles de Bellefroid produz cada peça personalizada com a parte inferior do rosto do usuário impresso. “Usamos nossa cabine de fotos para capturar a imagem”, explicou em uma entrevista a Reuters.

A máscara chega por correio normal e custa U$ 19,99 (cerca de R$ 120, atualmente). Ela pode ser lavada de 8 a 10 vezes, segundo o empresário. “Uma máscara é impessoal. Então ter o rosto impresso nela torna o item mais simpático, mais divertido”, disse uma das clientes de Charles, Virginie Thys.

 

 

'Mais divertido': empresário cria máscaras com estampas de rostos de clientes
Mais notícias