‘EUA continuam comprometidos a impedir a escalada de conflitos’, diz secretário

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, afirmou que os Estados Unidos continuam comprometidos com impedir a escala de conflitos. A declaração, feita no Twitter, vem após Washington ter realizado um ataque no Iraque que resultou na morte do general Qassem Soleimani, comandante das Forças Quds, uma unidade especial da Guarda Revolucionária do Irã.

Pompeo afirmou ter conversado com o chinês Yang Jiechi, membro do Politburo, comitê executivo do Partido Comunista, sobre a decisão do presidente Donald Trump de lançar o ataque, e afirmou ter reiterado o comprometimento de Washington com evitar a escala das tensões. Mais cedo, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Geng Shuang, afirmou que o país está “altamente preocupado” com a ação dos EUA.

O secretário de Estado americano também acrescentou ter falado com o secretário de Relações Exteriores do Reino Unido, Dominic Raab. “Sou grato por nossos aliados reconhecerem as ameaças agressivas contínuas colocadas pela Força Iraniana Quds”, pontuou.

Trump

O presidente americano, Donald Trump, afirmou na manhã desta sexta-feira, 2, no Twitter que o Irã “nunca ganhou uma guerra, mas nunca perdeu uma negociação”. Ele não deu mais detalhes. (Com agências internacionais).

Mais notícias