Mundo

Covid-19: Japão planeja dar fim a estado de emergência em regiões menos afetadas

O governo do Japão está considerando encerrar o estado de emergência em algumas das regiões menos afetadas pelo novo coronavírus. Pelo menos até o dia 31 de maio, a atual declaração de emergência é vigorada em todo território japonês. Nishimura Yasutoshi, ministro da Revitalização Econômica, afirmou em um programa da rede NHK neste domingo (10), […]

Vinícius Costa Publicado em 10/05/2020, às 18h20

(Getty Images)
(Getty Images) - (Getty Images)

O governo do Japão está considerando encerrar o estado de emergência em algumas das regiões menos afetadas pelo novo coronavírus. Pelo menos até o dia 31 de maio, a atual declaração de emergência é vigorada em todo território japonês.

Nishimura Yasutoshi, ministro da Revitalização Econômica, afirmou em um programa da rede NHK neste domingo (10), que o governo deve levar em consideração a opinião de alguns especialistas que serão ouvidos nesta semana para uma posição definitiva.

O ministro explicou que alguma das razões para o fim do estado de emergência é levar em consideração a queda no número semanal de novos casos e a proporção de novas infecções em relação a cada província.

O cancelamento do estado de emergência seria válido em algumas províncias que não mostraram novos casos de coronavírus. Nishimura ainda acrescentou que as províncias de Tóquio e Osaka, sob alerta especial, podem ter o estado cancelado dependendo das circunstâncias.

Jornal Midiamax