Susto: Helicóptero em que estava Evo Morales faz pouso forçado após decolagem

Segundo a Força Aérea Boliviana haverá um procedimento de investigação

No início da tarde desta segunda-feira (4), o helicóptero em que estava o atual presidente da Bolívia, Evo Morales precisou fazer um pouso forçado por apresentar problemas mecânicos logo após a decolagem, na cidade de Colquirí. A pane quase fez com que a aeronave caísse em alguns carros que estavam estacionados próximo ao ponto de decolagem.

Apesar do susto, nenhum dos integrantes na cabine se feriu, tampouco o helicóptero sofreu danos materiais. De acordo com o jornal boliviano ‘El Deber’, o presidente estava na cidade de Colquirí e estaria se deslocando até Oruro, cerca de 80 quilômetros de distância.

A FAB (Força Aérea Boliviana) emitiu um comunicado explicando que o acidente aconteceu devido a problemas registrados no rotor da cauda do helicóptero durante a decolagem. “A FAB de acordo com as normas procederá para ativar a Junta Investigadora de Acidentes; maiores detalhes sobre o incidente serão fornecidos de acordo com o andamento da investigação”.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o helicóptero ao solo rodeado de pessoas e ainda segundo o periódico boliviano, a aeronave teria se chocado em uma estrutura metálica e por isso, logo precisou fazer a aterrizagem de emergência.

Mais notícias