Coreia do Norte dispara possíveis mísseis balísticos, diz Seul

A Coreia do Norte disparou dois projéteis, que autoridades japonesas disseram parecer mísseis balísticos, no mar entre a Península Coreana e o Japão nesta quinta-feira, 31, de acordo com a guarda costeira japonesa e as Forças Armadas sul-coreanas

Os dois “projéteis não-identificados” foram disparados da Província de Phyongan do Sul, na região central do país, disse o Estado Maior Conjunto da Coreia do Sul em um comunicado.

Autoridades japonesas disseram que os projéteis caíram do lado de fora da Zona Econômica Exclusiva do Japão, que se estende a 370 km da terra firme.

“Objetos que pareciam ser mísseis balísticos foram lançados da Coreia do Norte”, disse o Ministério da Defesa do Japão em nota. “Eles não caíram no nosso território.”

A base aérea dos Estados Unidos localizada em Misawa, a 1.127 km ao norte de Tóquio, emitiu um “alerta real de míssil” e fez um apelo a seus funcionários para buscar abrigo, antes de emitir um aviso de “tudo seguro”.

Os novos disparos foram realizados no momento em que as negociações entre Coreia do Norte e Estados Unidos estão paralisadas. As conversações permanecem estagnadas desde o fracasso, em fevereiro, da segunda reunião entre o dirigente norte-coreano, Kim Jong-un, e o presidente americano, Donald Trump, em Hanói.

Desde então, Pyongyang elevou o tom com uma série de testes de mísseis. (Com agências internacionais)

Mais notícias