Estação de metrô de Londres é alvo de ataque terrorista com 22 feridos

Policiais dizem que dispositivo improvisado causou explosão

A estação de metrô de Parsons Green, em Londres, Inglaterra, foi alvo de um suposto ataque terrorista na manhã desta sexta-feira (15). Informações preliminares apontam que 22 pessoas teriam ficado feridas.

O incidente aconteceu dentro de um vagão do metrô de Londres. Passageiros encontraram uma bolsa com um balde em chamas, que supostamente seria o dispositivo que explodiu dentro do vagão.

A Polícia Metropolitana de Londres considerou o caso como um “incidente terrorista”, e pediu que a população evacue a área. A explosão ocorreu por volta das 8h20, do horário de Londres.

Passageiros do metrô disseram à imprensa terem ouvido uma explosão e uma “bola de fogo” a linha do trem, no horário de pico da estação. A polícia confirmou que a explosão foi causada por um “dispositivo explosivo improvisado”.

De acordo com o serviço de ambulância de Londres, que levou 18 dos  feridos ao hospital, nenhum deles se encontra em estado grave. A maioria dos feridos sofreu queimaduras leves. Os outros quatro feridos se apresentaram por conta própria nos hospitais.

O comando anti-terrorismo da Polícia Metropolitana de Londres iniciou uma investigação sobre o caso. A primeira-ministra da Inglaterra, Theresa May, declarou apoio aos feridos e aos serviços de emergência via redes sociais.

 

Mais notícias