Ataque terrorista deixa 18 mortos em restaurante em país da África

Dez pessoas ficaram feridas

Dezoito pessoas morreram e dez ficaram feridas neste domingo (13) após um ataque terrorista ter sido registrado em um restaurante na capital do país Burkina Faso, na África. As autoridades acreditam que o ataque tenha sido executado por jihadistas.

Um garçom disse à agência de notícias AFP que três homens chegaram em um veículo por volta das 21h30 no horário local e abriram fogo contra os clientes sentados do lado de fora do estabelecimento.

Muitas das vítimas faleceram a caminho do hospital. “Recebemos uma desena de feridos, dos quais três morreram e a situação dos outros é crítica”, afirmou um cirurgião que trabalha no hospital para onde o pessoal foi levado.

O Exército de Burkina Faso teria lançado um contra-ataque aos terroristas, matando três deles, segundo a Reuters. A CNN relata que as rodovias e estradas que levam até o Aeroporto Internacional de Ouagadougou, capital do país, foram interditadas.

O restaurante onde ocorreu o ataque fica próximo a um hotel em que ocorreu um violento atentado terrorista, resultando na morte de 26 pessoas e com um saldo de mais de 150 feridos. O ocorrido foi reivindicado pela Al-Qaeda. 

Mais notícias