Exército do Povo Paraguaio libera brasileiro mantido de refém há oito meses

O brasileiro Arlan Fick foi liberado na noite de Natal, quinta-feira (25), após ser mantido de refém há oito meses

O brasileiro Arlan Fick foi liberado na noite de Natal, quinta-feira (25), após ser mantido de refém há oito meses. O adolescente estava em poder do EPP (Exército do Povo Paraguaio). A informação foi confirmada pelo o Ministro do Interior do Paraguai ao jornal ABC Color.

O adolescente foi liberado por volta das 21h30, nas proximidades da residência de um colono brasileiro no distrito de Yby Yau, Concepcion,no Paraguai. Arlan Fick estava no poder do grupo, que é considerado criminosos, desde 2 de abril deste ano.

O jovem relatou que passou por agressões, fome e que neste momento quer ficar com a família. Ele chegou a gravar várias mensagens de vídeos, por ordem dos guerrilheiros, com teor de ameaças contra a própria vida, caso o grupo não fosse atendido.

Mais notícias