O que é Social Trading? – Vantagens e dicas essenciais

Se você decidiu trilhar o caminho de um trader (investidor), pode não saber ainda o que é Social Trading. Com a ampla busca de métodos para ganhar dinheiro, investir na bolsa de valores se tornou tendência. Especialmente por se tratar de um assunto que aparece em canais do Youtube, redes sociais popularíssimas e etc.

No entanto, de acordo com tradingnobrasil.com é importante realizar alguns estudos para evitar erros cruciais na hora de investir. Conhecimento de mercado, análise de gráficos, negociação comunitária, revisão de volume at price e estratégias de movimentação são fundamentais.

Para quem está começando na área, observar os passos de outros traders pode ajudar bastante. Por este motivo, o Social Trading vem ganhando força como um recurso para escolher investimentos e gerar lucros.

Bem, se ainda está um pouco confuso com isso, fique tranquilo. Acompanhe o material especial que preparamos para você! Descubra o conceito, vantagens e dicas essenciais!

 

Social Trading: O que é?

Encontramos na web, e em vários dispositivos, redes sociais para compartilhamento de ideias, fotos, experiências e etc. Imagine ter uma plataforma assim para dividir informações de trading, estratégias infalíveis, tipos de ações e processos?

O Social Trading tem características parecidas com redes sociais. Trata-se de um método valioso para interagir com outros investidores e analisar conteúdos amplos de mercado. A fim de definir as próprias negociações.

A partir do mecanismo é possível se comunicar em tempo real com diversos negociadores, descobrir indicadores no momento, resultados de ordem de outros traders e muito mais. O investidor iniciante, por exemplo, dispõe de mais informações com o auxílio do Social Trading. Inclusive, com a perspectiva de profissionais bastante qualificados, diminuindo as chances de perder dinheiro por não saber como operar.

O fato de poder se espelhar em outros investidores contribui para copiar técnicas vencedoras e desenhar as primeiras ações na bolsa de valores. O Social Trading se consolida então como peça-chave para ganhar confiança e conhecimento experiente antes de enviar as ordens.

 

Como funciona o Social Trading?

Para entendermos o funcionamento, é fundamental conhecer suas principais características.

Trading cooperativo

Como falamos, o Social Trading oportuniza um jeito de juntar ideias, técnicas. O modelo de Trading cooperativo permite a criação de grupos que podem executar negociações mutuamente. Mediante a troca de pesquisas, dados, ferramentas, análises e mais.

Fluxo de Informação

O livre fluxo de informações que oferece aos traders é extremamente vantajoso. Pois reflete nas negociações maior embasamento, especialmente para negociadores individuais.

Monetização

Quem usa o Social Trading descobre um recurso poderoso: a monetização através da cópia de ordens de outros traders. Há também a funcionalidade da renda passiva, que ajuda quem não pode acompanhar em tempo real a todo momento.

 

Quais são as vantagens do Social Trading?

Se você leu até aqui, já notou que a ferramenta é repleta de benefícios para operar na bolsa com maior eficiência. Então, vamos destrinchar as vantagens mais visíveis do Social Trading. Confira!

Praticidade e informações confiáveis

Estudar o mercado e suas nuances pode levar bastante tempo. Esses canais sociais agilizam a obtenção de dados importantes e estratégias que fazem efeito. Inclusive, são completamente respaldados com informações confiáveis de negócio. Uma vez que exibe atuações de traders super capacitados.

Iniciar a carreira conquistando a própria renda

Na hora de dar o primeiro passo, é essencial saber onde está pisando, não é mesmo? Os negociadores que preparam os movimentos iniciais já podem fazê-lo conquistando a própria renda na bolsa.

Isso é viável graças ao “Copy Trading”. O processo de copiar automaticamente posições gerenciadas por outros indivíduos que o próprio iniciante escolhe. Ou seja, dá para começar já levantando algum dinheiro.

Participar de uma comunidade comercial de traders

Através das plataformas, o usuário pode criar ou fazer parte de uma comunidade comercial de investidores. Efetivando suas operações com diagnóstico de outros usuários, participando ainda das ações de diferentes nomes e empreendimentos.

 

Dicas das plataformas mais conhecidas

Mas, como saber qual é a melhor plataforma de Social Trading no momento? Quer alavancar a rentabilidade através delas? Para responder suas dúvidas, veja quais são as plataformas mais conhecidas.

TradingView

A plataforma TradingView é rica em análises avançadas, gráficos valiosos, traders do alto escalão e dispõe de negociação cooperativa. Este último benefício acontece pelos dados da internet, oferecidos para investidores de Forex e Futuros.

Além disso, conta com um fórum para a troca e a cópia de ideias de sucesso. Tudo isso simultaneamente.

eToro

Já a eToro tem uma função incrível, a possibilidade de gerenciar filtros para chegar aos traders com o mesmo perfil. Sem falar na segurança de navegar tranquilamente sem nenhuma exposição de fundos.

A plataforma para negociação social é tida como a principal do mercado, pela sua transparência e popularidade. É um ótimo canal para começar a operar na bolsa de valores. Vale a pena conferir!

 

O que é Social Trading? - Vantagens e dicas essenciais
Mais notícias