Publicidade

Propaganda da Natura com mulheres se beijando causa discussão

Alguns clientes ficaram insatisfeitos com a suposta segregação, outros gostaram da iniciativa da marca em buscar a diversidade

A última propaganda da marca de beleza e cosméticos brasileira Natura lançada nesta segunda-feira (13) está gerando um grande debate nas redes sociais. O motivo da discussão seria o comercial de maquiagem ser composto por 3 casais de mulheres que se declaram e depois se beijam. O assunto chegou ao topo dos mais comentados do Brasil com a hashtag “#BoicoteNatura”.

A nova campanha de marketing da empresa é estrelada por três casais de mulheres, suas histórias são contadas em vídeos divulgados na internet. A ação foi alvo de críticas e o boicote à marca foi proposto. Na manhã desta terça, o perfil oficial da Natura disse a um usuário que ‘o amor cabe em todas as cores’.

Um dos vídeos divulgados da campanha “Coleção do Amor” mostra o casal Gabi e Domicih, a primeira atriz e modelo trans e a segunda DJ. O vídeo segue contando como se conheceram e de melhores amigas, se tornaram amantes e como o sentimento se transformou. Assista:

Os internautas se dividiram entre os que apoiaram a publicidade com comentários como: “não é lacrar é simplesmente mostrar a realidade e quem tem mulheres que beijam mulheres sim, é só um beijo supera”, escreveu um internauta. “Desde quando tem produto para gay ou para hétero? A mensagem da publicidade com diversidade é o contrário disso: “produto que enxerga todos os seus consumidores, sem exceção.” A inclusão de um grupo não te exclui. É muita pobreza de espírito.”, escreveu outra.

Já na contra-mão, outros clientes repudiaram a atitude comercial da marca. “Eu vou dizer o que eu acho. O objetivo de toda empresa é lucrar, e o objetivo da publicidade é criar percepção de valor. Se esses objetivos estão alinhados com causas progressistas, ótimo! O “real motivo” é irrelevante nesses casos”, escreveu um. “Totalmente desnecessário essa propaganda da Natura. Que coisa chata. Tudo agora tem que lacrar.”, disse outra.

Até a finalização dessa matéria, cerca de 40,5 mil tweets foram feitos com a hashtag “#BoicoteNatura” no Twitter.

Mais notícias