Após 18 anos, conspirações sobre 11 de setembro ainda sobrevivem

As Torres Gêmeas foram derrubadas em 2001, e 2.996 pessoas morreram

Nesta quarta-feira,11 de Setembro, há exatos 18 anos, estávamos frente a televisão, vendo notícias sobre um dos maiores atentados do mundo: as Torres Gêmeas. O incidente que aconteceu em 2001 deixou 2.996 pessoas mortas. Anos se passaram, mas ainda restam conspirações sobre o fato histórico que marcou os primeiros anos do milênio. Listamos 3 das principais teorias da conspiração para você:

Demolição proposital

Resultado de imagem para world trade center destroyed

Sete horas após a queda da segunda torre, um prédio do complexo de edifícios do World Trade Center também desmoronou. No projeto dos edifícios havia o planejamento de uma estrutura de aço capaz de suportar grandes impactos, sendo assim o prédio cairia e não desmoronaria, como acontecido. Visto as informações e a quantidade de enxofre, substância usada em demolições, que foi encontrada nos destroços, alguns internautas acreditam que a queda do terceiro prédio foi proposital.

Bush e Bin Laden trabalhando juntos

Resultado de imagem para bush and bin laden

Carlyle é a empresa de armamentos do então presidente dos EUA, George W. Bush, e seu pai George Bush. A empresa recebia investimentos da família Bin Laden, e na manhã do ocorrido, um dos Bin Laden estava em reunião com o George Bush pai. Acredita-se que as relações amistosas entre as famílias começaram bem antes.

Fogo que não queima

Resultado de imagem para unburn passport september 11

A temperatura das chamas que incendiaram o prédio não chegaram a 750º C, no entanto os ferros da construção foram derretidos. Mas a equipe do FBI que trabalhou no local, disse ter encontrado um passaporte dos terroristas. A dúvida que fica é: como chamas com menos da metade de temperatura necessária para destruir barras de aço não queimaram um passaporte?

Mais notícias