Projeto de voluntários leva doações e atendimento de saúde para indígenas

Toneladas de alimentos serão carregados com o auxílio do caminhão do exército

No final da tarde desta terça-feira (30), dezenas de voluntários do IAC (Instituto Amigos do Coração) vão embarcar as toneladas de doações que arrecadaram para a terceira missão do Projeto Desenvolvendo Sorrisos. A ação solidária vai levar cerca de 75 voluntários até as aldeias indígenas Nhanderu Marangatu e Campestre, localizadas em Antônio João, entre os dias 1 e 5 de maio.

O projeto vai levar roupas, alimentos, utensílios domésticos, material escolar, brinquedos e remédios para os 1.200 indígenas que vivem em situação de extrema vulnerabilidade social nas 2 comunidades. Uma equipe de profissionais voluntários também vai oferecer atendimento em diversas especialidades, além de dentistas, veterinários e farmacêutico.

A missão conta ainda com três unidades móveis, onde são feitos os procedimentos médico-odontológicos e o atendimento veterinário para pequenos animais das aldeias.

Desenvolvendo Sorrisos começou a ser preparado há 6 meses, período em que a rede de voluntários do IAC arrecadou 350 caixas de roupas e sapatos e quase 4 toneladas de alimentos que serão levadas em caminhões do Exército Brasileiro.

O IAC nasceu em 2012, quando um grupo de amigos decidiu se juntar, arregaçar as mangas e fazer serviços voluntários de transformação social na própria cidade em que moravam. A iniciativa deu tão certo que tornou-se uma corrente do bem: de amigo em amigo, hoje o IAC conta com aproximadamente, 300 voluntários cadastrados que atuam nos projetos que acontecem o ano todo. Gente que soma tempo, dedicação, talento e solidariedade a asilos, comunidades carentes, clínicas de recuperação e aldeias indígenas.

Mais notícias