Mamãe de primeira viagem? Saiba como organizar a mala da maternidade

A estação do ano para a data prevista do parto deve ser levada em consideração

Algumas perguntas são comuns com a evolução da gestação nas mamães de primeira viagem e umas das principais dúvidas é o que levar na mala da maternidade. O ideal é que os preparativos iniciem por volta do 7º mês, já que a partir da 37ª semana o neném pode nascer a qualquer momento.

A Revista Crescer explica que separar as mudas de roupas em saquinhos com o nome do bebê, com dois kits (macacão, body, calça e meia) para cada dia facilita na hora de escolher o “look” no berçário. Um conjuntinho especial deve ser guardado para a saída do bebê da maternidade.

A estação que a criança vai nascer deve ser levada em consideração. A lista de vestimentas deve ser engrossada com gorros e luvas caso o tempo seja ameno, como no inverno. Se a data do parto estiver prevista para o verão, ou se a cidade for muito abafada, a mamãe deve optar por mantas mais leves. Bodies com abertura na cabeça facilitam na hora de colocar e tirar, principalmente para pais sem experiência.

Nas lojas especializadas existem uma gama de opções de malas de maternidade, mas se a grana estiver curta, uma mala ou bolsa de viagem pode quebrar o galho. O importante é que a bolsa esteja bem limpa e fique um pouco no sol.

As vestes da mamãe também devem ser pensadas com carinho, levando em consideração que a barriga continua inchada e poderá haver pontos no pós-parto. Roupas largas, confortáveis e com abertura nos seios são itens obrigatórios na bolsa da gestante. Na maioria dos casos, os hospitais e maternidades oferecem absorventes, mas não custa nada levar uns a mais para as emergências.

Mais notícias