Hemorroidas são grandes vilãs durante a gravidez e aparecem em qualquer idade

Incômodos podem ser amenizados com algumas atitudes diárias

Com a chegada dos 3 últimos meses, é muito comum que a gestante tenha hemorroidas. O aumento do peso corporal e da pressão na região pélvica contribuem para que as veias ao redor do ânus ou do reto inflamem ou dilatem. Por causa da vergonha, muitas mamães acabam não contando ao médico sobre o problema e passam a conviver com as indesejadas também após o parto.

Com alguns cuidados simples é possível amenizar os sintomas mais comuns como coceira e dor. As hemorroidas podem ser externas ou internas e podem aparecer em qualquer gestante, independente da idade.

Algumas mamães têm uma dilatação nas veias muito leve e, de acordo com o portal Bebe.com, nem percebem o problema. Mas, por motivos genéticos, anatômicos e hormonais, a dilatação pode aumentar e provocar queimação ou ardor na região anal.

A gestante pode amenizar os efeitos da hemorroida. Ainda de acordo com site especializado, a primeira coisa a fazer é nunca forçar a ida ao banheiro. Além desse cuidado, também é preciso evitar a prisão de ventre com atividade física regular, alimentação saudável e bastante água.

Se, apesar dos cuidados, ela insiste em aparecer, é preciso mudar alguns hábitos para aliviar os incômodos. Segundo o portal Tua Saúde, o tratamento das hemorroidas pode ser feito sem medicamentos com algumas dicas fáceis:

Não usar papel higiênico, limpando a região anal sempre com lenços umedecidos ou água morna e sabonete neutro após urinar ou defecar;

Não permanecer muito tempo sentada, principalmente no vaso sanitário ou em pé;

Beber cerca de 2 litros de água por dia;

Ingerir alimentos ricos em fibras, como verduras, legumes, frutas, cereais, feijão, grão de bico ou pão integral, por exemplo;

Não comer alimentos com pimenta e evitar muitos condimentos ou frituras;

Usar uma almofada com uma abertura no centro quando se sentar.

 

 

 

Mais notícias