MidiaMAIS / Famosos

Nego do Borel chora e se desespera: ‘A vida não está fazendo sentido pra mim’

Nego do Borel publicou em seu Instagram Stories, neste domingo (28), falando sobre as consequências das acusações que recebeu após polêmica

Carlos Yukio Publicado em 01/03/2021, às 09h36

None
Nego do Borel chora e se desespera: 'A vida não está fazendo sentido pra mim'

Nego do Borel fez uma série de vídeos aos prantos e publicou em seu Instagram Stories, neste domingo (28). Ele até mostrou um momento em que estava no carro e um grupo em uma limousine passou ao seu lado, acenando, e uma das mulheres disse “ele estava batendo na mulher, mas está bom”.

O funkeiro ainda comentou que ouviu ser chamado de “macho escroto” enquanto ele estava em uma rede de fast food. “Ela disse: ‘Ai, sai, macho escroto’. Eu fingi que não ouvi. Aí eu vim embora, chorando. Estou todo dia me perguntando, falando: Deus, por favor, pai, mostra para as pessoas que eu não fiz essas coisas, pelo amor de Deus, me ajuda. Eu não tenho voz, ninguém me escuta quando eu falo. Eu fico me pegando na depressão”.

Em um momento de seu relato, ele disse: “Quero mandar um recado pra pessoa que eu amo, que ainda continuo amando, e quero que Deus abençoe. Mas não sei porque essa pessoa está fazendo isso, não fiz tanto de ruim pra merecer isso”, disse o cantor, sem citar o nome de Duda Reis. “Deus, me ajuda, por favor, eu quero amor, quero carinho das pessoas, não quero ir embora. A vida não está mais fazendo sentido pra mim. Eu estou sendo julgado, muito massacrado, e as pessoas não querem me escutar”.

Nego continuou seu desabafo aos prantos. “Queria pedir uma coisa para vocês, porque não estou aguentando mais. Queria pedir um pouquinho mais de amor, de carinho de vocês porque não sei até onde eu vou aguentar, tá ligado? Pedir ajuda à minha família, aos meus amigos, porque estou passando um momento muito difícil onde muitas pessoas estão me julgando. E não sei o que vai acontecer comigo. Eu quero pedir ajuda. Por favor, me ajudem. Eu não estou aguentando mais. Estou sendo acusado de várias coisas pesadas. Não quero que vocês acreditem em mim, não estou me vitimizando”.

O funkeiro deixou claro que está sofrendo muito com toda essa situação: “Estou sofrendo muito. As pessoas estão falando que sou um monstro. Eu já errei e quero aprender, mas não sou isso tudo que estão falando. A minha família está destruída. A minha avó, a minha mãe está chorando. Não tá tendo show, não está tendo nada para ganhar dinheiro, estou tendo que gastar dinheiro com um monte de coisa, com advogado. Eu não sou isso, eu construí minha carreira com tanto amor e tanta dificuldade”.

Ele ainda destacou: “Tive a oportunidade para entrar pro tráfico, para ser bandido. Já perdi muito amigo por ser bandido. Essa é uma parada que se fosse na comunidade, se falasse que estuprou, a pessoa ia morrer. É uma parada muito séria. Só preciso de um pouquinho de amor e carinho. De abraço. As mulheres estão me chamando de homem escroto, de nojento. Eu não sou isso. Queria mostrar para vocês quem eu sou, parece vocês saberem da verdade”.

Vale lembrar que Nego se envolveu em algumas polêmicas no início do ano. Ele se separou de Duda Reis, que o acusou de agressão e abuso sexual, acusações negadas pelo mesmo. O artista também foi alvo de uma operação policial e demitido da gravadora em que trabalhava. Confira um trecho do vídeo abaixo:

Jornal Midiamax