Treta! Ludmilla faz carta aberta a Anitta e expõe prints de conversas

Em vídeo de 11 minutos, cantora relembrou polêmica com fãs de Anitta sobre composição de 'Onda Diferente' e caso de racismo em premiação no ano passado

Nesta segunda-feira (15), Ludmilla publicou um vídeo com duração de 11 minutos para dar detalhes sobre a briga com Anitta. Desde a semana passada, quando foi citada no programa cantora, Ludmilla usa redes sociais para desabafar sobre sua relação com a eira.

No início do vídeo, Ludmilla mostra uma conversa, de 29 setembro de 2019, com cantora em que cita a apresentação de Ivete Sangalo no Rock in Rio, quando cantou ‘Onda Diferente’, parceria das duas e que se tornou polêmica pela autoria. Ludmilla foi atacada por internautas na ocasião.

“Um mar de gente cantando! Eu postei agradecendo a Ivete, comemorei que consegui fazer uma música e que a composição pegou. Os seus fãs vieram atacar com tudo, falando que te deixei de fora. Eu estava falando da composição. Vai lá explicar para eles, que estou falando da composição, que é minha”, começa Ludmilla. “Confesso que não achei bacana da parte dela fazer isso. Meus fãs sabem um certo história dela comigo e por isso estão assim”, responde Anitta [sobre Ivete Sangalo].

Em seguida, Ludmilla aparece narrando o vídeo. “O maior problema foi sempre ela [Anitta] com a falta de verdade. Eu já tinha dado 50% da música. Se ela tivesse agido com verdade comigo, falar para mim: ‘Vou botar meu nome lá porque participei da produção da música e vou ganhar uma moral de compositora’, eu ia falar: ‘Show! Bota seu nome lá’. Mas ela agiu por trás, fez de maldade, sem eu saber, sem meu consentimento, botou o nome dela na minha música e ficou deixando eu parecer maluca!”, explica Ludmilla.

Ludmilla também questionou a forma que Anitta explicou a situação para os fãs no . “Era só para ela dizer a verdade, mas primeiro ela tem que se vitimizar, se engrandecer, se exaltar como a melhor, como sempre. Ela tira a atenção do público, que é apenas a frase final, que ela fala a verdade”, narra a cantora.

Em um áudio, Anitta conta que possui um grupo no WhatsApp com “todos os presidentes” de seus fãs-clubes. Ludmilla também relembra a ocasião de ter sido vaiada e sofrido racismo ao receber o prêmio de Melhor Cantora e Música Chilete no Prêmio Multishow, sendo chamada de ‘Macaca’.

A cantora também conta no vídeo que participaria da canção Combatchy, parceria de Anitta com , Luísa Sonza e MC Rebecca. “Eu até estava nessa música, cheguei a gravar a voz. As meninas [que participaram] não tem nada a ver com isso, é com a Anitta. Mas eu já estava cansada, essas histórias, essas mentiras, o jeito sonso, o cinismo. Cansada de engolir ela com esse ego. Aguentei muita coisa de boca calada para não ter briga. Espero que seja a última vez que eu tenha que tocar nesse nome e falar desse assunto. Isso me traz uma sensação muito ruim”, diz Ludmilla.

Na publicação do , a mulher de Ludmilla, Brunna Gonçalves publicou seu apoio. “Só a gente sabe o que a gente passou! E eu estou contigo para tudo! Te amo”, declarou a bailarina. Silvana Oliveira, mãe de Ludmilla, também se pronunciou. “A máscara que vai cair diante da sociedade”, escreveu ela. “Fica em paz! Já chega disso tudo, ninguém tem ideia das coisas que já aconteceram”, disse Luane Sales, irmã da cantora.

Treta! Ludmilla faz carta aberta a Anitta e expõe prints de conversas
Mais notícias