Rodrigo Bocardi é acusado de racismo durante o Bom Dia São Paulo

Apresentador perguntou se jovem negro estaria indo à clube de alta sociedade para "pegar bolinhas"

Já a tempos frente ao Bom Dia SP, o jornalista Rodrigo Bocardi é conhecido na Globo por seu bom humor e por ser um dos âncoras da emissora carioca que mais têm popularidade junto ao público. Nesta sexta-feira (7), no entanto, o profissional acabou se envolvendo em uma grande polêmica e foi acusado de racismo nas redes sociais.

A situação aconteceu enquanto, durante um link ao vivo, o repórter Tiago Scheuer conversava com um jovem negro do metrô. Ele contou que estava indo a um clube de classe alta que fica na capital paulista, quando Rodrigo fez um questionamento controverso.

“Você vai pegar bolinha de tênis no Pinheiros?”, questionou o âncora da Globo em São Paulo. Aparentemente, Tiago não entendeu o que o colega quis dizer, mas transferiu a pergunta para Leonel, o entrevistado, que não estava com o fone de ouvido.

Como resposta, ele disse: “Não, não, eu sou atleta lá do Pinheiros. Jogo polo aquático”, respondeu ele. Na sequência, Bocardi aumento ainda mais a polêmica ao deixar claro que é um dos frequentadores do clube em questão.

“Ah, sim, tá pensando o que? E eu tava achando que eram os meus parceiros ali que me ajudam nas partidas e tal, é um jogador de polo aquático, olha que fera. Agradece logo de cara o sorrisão que ele recebeu você aí”, disse ele.

Nas redes sociais, a atitude de Rodrigo Bocardi foi extremamente criticada e levou o nome do apresentador ao Trending Topics do Twitter. Confira algumas das reações abaixo:

Mais notícias