Presa por desacato, bailarina do Faustão vai denunciar policiais por abuso

Para os advogados de Natacha Horana, os agentes agiram de forma incorreta e abusaram da autoridade

Natacha Horana, bailarina do Domingão do Faustão, vai entrar com pedido de investigação de abuso de autoridade contra os policiais que a levaram para a delegacia. Ela foi presa em julho por desacatar guardas municipais de Balneário Camboriú, em , após ser abordada sobre uma festa clandestina.

Natacha foi detida quando agentes interromperam uma festa que rolava no apartamento onde a bailarina estava hospedada. A prefeitura diz que ela desacatou e tentou agredir um guarda. Natacha nega as acusações. O advogado Daniel Bialsk sustenta que reuniões não estão proibidas na cidade e que houve abuso e invasão de domicílio por parte dos policiais.

A informações, e vídeo do momento da prisão, foram divulgadas pelo colunista , do Metrópoles.

Presa por desacato, bailarina do Faustão vai denunciar policiais por abuso
Mais notícias