Jéssica Alves diz ter sofrido discriminação em aplicativo de namoro

Modelo era conhecida como Ken Humano

Jéssica Alves desabafou sobre sua expulsão do aplicativos de relacionamentos Tinder. Conhecida como Ken Humano, antes da sua transição de gênero, revelou que se sentiu discriminada.

“Entrei em contato por email e disseram que jamais poderei usar o aplicativo outra vez porque violei os protocolos deles, mas eu obviamente não fiz isso”, contou Jéssica em uma entrevista ao jornal inglês Daily Mail.

“Eu não tenho os mesmos direitos civis de me relacionar virtualmente, especialmente em tempos de COVID em que não posso encontrar com pessoas? Fui provavelmente denunciada por pessoas que acharam que era uma conta fake. Mas será que não fui suspensa porque sou uma mulher trans. Me senti discriminada”, assumiu.

Jéssica também revelou ter ficado chateada, segundo o Portal Uol, pois estaria com uma paquera avançada no aplicativo: “Recebi várias mensagens, estava conversando com apenas um homem, alto, loiro, musculoso, atraente e independente, mas antes que pudesse dar o meu telefone a conta acabou suspensa”, confessou Jéssica.

Jéssica Alves diz ter sofrido discriminação em aplicativo de namoro
Mais notícias