Edmundo diz que pagou quase R$ 10 milhões de pensão ao filho que vende geleias

Comentarista disse que está com a consciência limpa

Edmundo quebrou o silêncio e conversou com o UOL sobre sua relação com o filho Alexandre Mortágua, que está vendendo geleias para complementar a renda neste período de pandemia. O cineasta independente fez uma postagem no sobre a dificuldade de encontrar trabalhos.

Edmundo e Alexandre, segundo o noticiário, não se encontram há mais de nove anos. “O Alexandre não me responde quando mando feliz natal, quando mando feliz dia das crianças, quando mando feliz aniversário. Mas acho importante saber que eu paguei por 24 anos uma pensão no valor de 30 salários mínimos ou seja R$ 31.350 reais por mês com décimos terceiro salário”, conto o ex-.

O comentarista diz que já pagou cerca de R$ 407.550 por ano de pensão, o que ao longo dos 24 anos totaliza cerca de R$ 10 milhões.

“Lembrando que ele tem 25 anos, ou seja, o ano passado eu ainda pagava a pensão. Sempre mando mensagem, mas nessa história, tudo de ruim fica para mim. Ele se aproveita, mas estou com minha consciência limpa”.

Procurado pelo UOL, Alexandre diz que prefere não comentar qualquer coisa que o pai tenha dito.

 

Edmundo diz que pagou quase R$ 10 milhões de pensão ao filho que vende geleias
Mais notícias