Terceiro advogado de mulher que acusa Neymar de estupro abandona o caso

Danilo Garcia de Andrade diz que deixou a defesa de Najila Trindade após ela não ter apresentado provas suficientes

O advogado Danilo Garcia de Andrade afirmou no fim da noite da última segunda-feira (10) que abandonou a defesa de Najila Trindade Mendes de Souza, que acusa Neymar de agressão e estupro. Segundo ele, “não participaria de uma ilicitude para lograr proveito econômico de quem quer que seja” e por isso não se sente mais confortável para o trabalho.

No fim de semana, Garcia, que é o 3º advogado a deixar o caso desde o início do processo, afirmou que não seguiria com a defesa até que a mulher apresentasse provas concretas. A principal delas sendo a íntegra do vídeo vazado na internet durante a semana passada.

Na sexta-feira (7), Najila afirmou, em depoimento à polícia, que o vídeo de sete minutos que ela gravou no hotel, no segundo encontro com Neymar, estava em um tablet rosa que foi furtado em seu apartamento em São Paulo e que teria sido arrombado.

Entretanto, policiais especializados analisaram as marcas na porta do apartamento de Najila e só encontraram impressões digitais dela e da empregada. A modelo disse que não registrou a invasão do apartamento mas não encontrou o tablet rosa, um relógio e uma quantia em dinheiro que estava em uma bolsa.

Até agora, só foi divulgado um minuto do vídeo. Neste trecho, Najila bate em Neymar. Nos outros seis minutos, segundo ela, haveria elementos que comprovariam que o jogador a agrediu no dia anterior. A modelo afirmou que também possuía uma cópia do vídeo em seu celular e que seria entregue na última segunda-feira (10), o que não aconteceu.

Mais notícias