Bailarino de Anitta é assassinado a tiros no Morro do Vidigal

A família confirmou a morte, mas ainda não divulgou informações sobre o velório

Morreu na última segunda-feira (9) o dançarino Rodrigo Motta, de 28 anos, que ficou conhecido por participar do clipe “Vai Malandra”, de Anitta. A família confirmou a morte, mas ainda não divulgou informações sobre o velório. Segundo o site Extra, Rodrigo, que também era bartender no Bar da Laje, do Vidigal, foi assassinado a tiros.

“É com enorme pesar que venho informar o falecimento do meu irmão hoje pela manhã. Logo informarei o dia e horário do velório para as últimas homenagens”, escreveu Márcio Motta, irmão do modelo.

Morador da comunidade do Vidigal, que não quis se identificar, disse ao site Extra que Rodrigo teria se envolvido em uma briga na semana passada e que a morte teria sido motivada pela revanche. O bartender teria levado um tiro no pé e na perna, seguido de agressões. Levado para o hospital, Rodrigo não resistiu.

Um morador da região, que não quis se identificar, relatou uma briga. Procurada, a Polícia Militar disse não ter ainda informações sobre o caso. No trabalho com Anitta, Rodrigo aparece passando óleo em mulheres, que usavam biquínis de fita isolante, e ele foi elogiado pelo corpo malhado.

Mais notícias