Publicidade

Apresentador Wagner Montes morre aos 64 anos

Corpo será cremado na tarde deste domingo (27) no Rio de Janeiro

Wagner Montes morreu na manhã do último sábado (26), aos 64 anos, depois infecção generalizada e falência múltipla dos órgãos. De acordo com a Alerj, o parlamentar enfrentava desde 2017 uma série de problemas de saúde e estava, há uma semana, internado em um hospital do Rio.

Advogado por formação, Montes iniciou sua carreira jornalística em 1974, na Rádio Tupi, e ficou conhecido pela apresentação de vários programas como Aqui e Agora, do SBT, e Balanço Geral, da TV Record.

Era deputado estadual desde 2006. Em 2010, foi o parlamentar estadual mais votado da história do Rio de Janeiro, com 528 mil votos. No ano passado, foi eleito deputado federal.

Casado desde 1987 com a também apresentadora e atriz Sônia Lima Montes, Wagner estava internado há dois dias para tratar uma infecção urinária.

Ele já havia sofrido um infarto em novembro do ano passado. Montes deixa a mulher e os dois filhos – um, fruto do relacionamento com Sônia; outro, da relação com a Miss Brasil de 1983, Cátia Pedrosa.

O corpo do deputado estadual e jornalista Wagner Montes será cremado na tarde de hoje (27) no Crematório e Cemitério da Penitência, no Caju, na zona portuária do Rio de Janeiro. Segundo o cemitério, a cerimônia, que acontece das 12h30 às 14h, será aberta apenas à família e a amigos próximos.

Mais notícias