Publicidade

Advogado de Najila ameaça deixar cliente caso provas não sejam apresentadas

Mulher alega que foi estuprada por Neymar enquanto estava em Paris

O advogado Danilo Garcia de Andrada, que está representando como defesa de Najila Trindade, mulher que acusa Neymar de estupra-la em Paris, está ameaçando deixar a cliente caso as provas não sejam apresentadas.

Em entrevista para o UOL Esporte, o advogado afirmou que ele deixará o caso na próxima semana, se não obter acesso ao material que faz uso que Najila diz ter feito para comprovar que foi estuprada pelo jogador.

Durante o depoimento, Najila afirmou que seu tablet onde continha todas as provas foi furtado do seu apartamento após ter sido arrombado. De acordo com o site, houve sinais de arrombamento, mas que as digitais encontradas na porta seriam da própria mulher e de um amigo.

“Se a investigação policial a respeito do eventual arrombamento onde residia Najila se mostrar inverídica, deixarei o caso. Pois a relação advogado-cliente é baseada sempre na confiança. Não havendo confiança, não há motivo para permanecer”, disse Danilo ao UOL.

O advogado já teria solicitado que fosse enviado os arquivos contendo vídeos e fotos que comprovariam o suposto estupro, mas que até o momento, Najila não se manifestou sobre enviar o material.

Mais notícias