Datena mostra rancor à Record: “Quero que morra”

Apresentador não gostou de não ter sido convidado para festa de 65 anos da emissora

José Luiz não se mostrou muito contente ao não ser convidado para a festa de aniversário de 65 anos da rede que acontecerá em setembro. Em entrevista ao Uol, nesta terça-feira (28/8), o apresentador fez críticas à emissora e ressaltou o descaso que sentiu depois de deixar a rede.

“Estou cagando, andando e sentando para o Douglas Tavolaro [vice-presidente de jornalismo do canal] e para a direção. Quero que a se exploda, que morra!”, disse.

O apresentador revelou já ter considerado trocar de emissoras bem antes da quebra de contrato em 2011, quando deixou a apresentação do Cidade Alerta depois de quebra de contrato.

“No [episódio do sequestro] ônibus 174, dei 28 pontos, fiquei em primeiro lugar. Ia assinar com a Globo porque estava incomodando na faixa das 18h, mas o bispo não me deixou porque achou que era conveniente eu ficar. Dava muita audiência para a ”, afirmou. “Parece que eles esqueceram disso. Não dá para passar por cima da história”, relembrou.

Datena mostra rancor à Record: "Quero que morra"
Mais notícias