Alexia Dechamps nega declaração polêmica e pede desculpas a nordestinos

'Tenho uma madrinha cearense', disse ela

 

Depois de uma suposta declaração polêmica dita durante uma audiência pública na Câmara dos Deputados, a atriz Alexia Dechamps pediu desculpas a nordestinos. Durante a discussão na audiência pública, a atriz teria atacado vaqueiros presentes e dito: "Calem a boca que nós já pagamos o Bolsa Família de vocês".

Quem denunciou a suposta declaração foi o deputado Pedro Vilela (PSDB-AL), em vídeo publicado em seu Instagram na última terça-feira (25). A atriz, no entanto, nega, conforme anunciou em um vídeo compartilhado na mesma rede social nesta quinta-feira (27). Dechamps falou sobre a polêmica e disse que a sua fala foi mal interpretada.

"Vim aqui explicar para vocês. Está rolando uma polêmica e a história não está contada do jeito que foi. Eu jamais disse a palavra 'nordestinos', jamais quis ofender um povo que eu gosto, admiro e sou agradecida. E o que rolou foi totalmente ao contrário. Eu estava preocupada e dando ao deputado, dentro da agressividade, mesmo com ele muito agressivo comigo, o cenário do Plenário muito agressivo com a gente, eu disse: 'Olha, tem pesca, tem turismo, tem Bolsa Família. Acho o Bolsa Família um recurso muito válido e um acerto do governo passado. Acho que os nossos impostos estão aí para ajudar a quem precisa'. Foi isso que eu disse a ele".

Ela completou: "Foi obviamente mal interpretado, pejorativamente. Peço desculpas por este mal entendido com os nordestinos. A palavra 'nordestino' nunca saiu da minha boca. Não existe um vídeo mostrando isso. Tenho uma madrinha cearense", disse Alexia.

Na última terça-feira (27), Pedro Vilela falou o seguinte em vídeo publicado em suas redes sociais. "Acabo de denunciar, em Plenário, o ato preconceituoso, que ao meu ver deve ser enquadrado como crime de racismo, cometido pela atriz Alexia Dechamps, durante audiência pública que debatia a regulamentação da vaquejada. Ao virar-se ao público, majoritariamente nordestino, e dizer “Calem a boca, que eu já pago Bolsa Família para o Nordeste”, a artista desrespeitou um povo que muito trabalha para o crescimento do Brasil. Não podemos admitir nenhum tipo de preconceito, seja ele qual for. Enquanto parlamentar e nordestino já estou tomando as medidas judiciais cabíveis. Exigimos punição exemplar a essa senhora e a qualquer outra pessoa que tenha comportamento semelhante. #Nordeste #Alagoas", declarou ele na rede social.

Mais notícias