Cordão da Valu faz primeiro Esquenta para o Carnaval 2020 neste sábado

Em parceria com o Esquenta Corumbaense, grupo promove no sábado (11) o primeiro esquenta

O Cordão Valu, o mais tradicional grupo carnavalesco de rua, de Campo Grande, que em dezembro último, completou 13 anos de fundação, já rufa os tambores para anunciar neste sábado (11) o início da temporada dos esquentas que irão antecipar as duas apresentações oficiais do Cordão, na Folia de Momo de 2020, nos dias 22 e 25 de fevereiro, respectivamente, sábado e terça-feira de Carnaval, na Esplanada Ferroviária.

Em uma parceria com o Esquenta Corumbaense, liderado pelo empresário Heraldo Padilha, o Cordão Valu realiza o primeiro esquenta, de uma série de seis pré-carnavais, que acontecerão sempre aos sábados, até o dia 15 de fevereiro. Todas as edições terão um novo endereço: o Ramadas Festas e Eventos, na Rua Tonico de Carvalho, 15, Bairro Amambaí, a partir das 17h30.

“Conheço a Silvana e a luta dela faz quatro anos. Nessa visita dela ao meu esquenta, surgiu a ideia da parceria para este ano. Sei das dificuldades dela para colocar o Cordão na rua, e resolvi ser parceiro. Um grupo carnavalesco de rua, tão tradicional e importante para Campo Grande, não pode morrer”, ressalta Padilha.

Radicado na Capital do Estado desde 2012, Heraldo tem sido uma espécie de “mecenas”, financiando cultura em Campo Grande, promovendo festas e esquentas de carnaval onde, segundo ele, reúne um público de cerca de 700 a 800 pessoas, 80% dele, formado por corumbaenses radicados na Capital, e os que vêm de Corumbá, especialmente para os eventos do empresário.

A parceria entre o Cordão e o Esquenta Corumbaense surgiu da amizade entre Heraldo Padilha com Silvana Valu e Jefferson Contar, estes últimos, coordenadores do grupo carnavalesco, e da afinidade dos três, com o carnaval. “Este ano, estarão unidos, o Esquenta Cordão Valu e o Esquenta Corumbaense, quer dizer, Campo Grande e Corumbá juntos e misturados, para proporcionar um grande carnaval. Muito samba e alegria”, explica Silvana.

Os pré-carnavais do Cordão Valu servem para arrecadar fundos para que a coordenação possa custear as duas apresentações do grupo, no Carnaval, já que, como é sabido, o Cordão não recebe verba oficial da prefeitura e nem do Estado.

Atrações musicais

Grupo Sampri é uma das atrações do esquenta deste sábado (Foto divulgação)

Para esse primeiro esquenta de 2020, do Cordão Valu, foram escalados o cantor Daran Junior, especialista em samba, e o grupo Sampri, conhecido pelo vasto repertório de clássicos da MPB, e de sambas tradicionais, os de raiz.

Daran Junior, por sua vez, já participou de eventos do Cordão Valu, em anos anteriores, sempre acompanhando outros artistas. Este ano, como cantor solo, será a primeira vez que o artista se apresentará em pré-carnavais do grupo. “Estou feliz, é uma honra para mim estar entre as atrações musicais dos esquentas do Valu, deste ano”, assinala Daran. No repertório do cantor, sambas: baiano, carioca, sincopado e os tradicionais. “Sou sambista, filho de sambista (o velho Daran), com orgulho”, faz questão de frisar.

Serviço

Primeiro esquenta do Cordão Valu, do Carnaval 2020
Onde: Ramadas Festas e Eventos, rua Tonico de Carvalho, 15, Bairro Amambai.
Horário: Das 17h30 à meia-noite.
Atrações musicais: Cantor Daran Junior, e o grupo Sampri.
Ingressos: R$ 10, até às 19h; após esse horário, R$ 20.

Mais notícias