Santuário Nossa Senhora da Abadia promove “Holywins” em substituição ao Halloween

Católicos organizam evento como forma de voltar à origem do feriado com fantasias de freira, padres, anjos e santos ao invés da festa pagã

O Santuário Nossa Senhora da Abadia, localizado nos altos da Avenida Afonso Pena  em Campo Grande, promove o primeiro Holywins “A santidade vence”. O evento incentiva crianças e adolescentes a celebrar o Dia de Todos os Santos usando trajes relacionadas à fé católica: santa ou santo devoto, padre, freira ou mesmo um dos apóstolos e será realizado em dois dias separados por faixa etária.

Na sexta-feira (1º), o Hollywins será em formato de balada santa para jovens a partir de 14 anos, das 20h às 00h, com convites a R$ 10,00. No sábado (02), o evento é voltado para crianças menores de 14 anos e será realizado das 15h às 19h, com entrada gratuita e lanche partilhado.

A iniciativa da igreja é chamar os católicos para se mobilizarem no culto à santidade, ao invés de celebrar o popular Halloween (Dia das Bruxas), que reverencia aos mortos, zumbis e personagens macabros. “Essa é uma oportunidade dos jovens e crianças perceberem a maravilha que é o caminho que conduz ao céu. Procuramos apresentar o céu como ele é: o lugar mais alegre do mundo”, disse Stela Palhano uma das coordenadoras do evento.

“Como católicos queremos devolver a este dia o seu verdadeiro sentido e celebrar todos aqueles que seguiram heroicamente Jesus Cristo, alguns santos estão nos altares para serem exemplos a serem seguidos, outros caminharam e caminham conosco. Que a Festa de Todos os Santos seja momento de fazer crescer em nós a vontade de chegar ao céu por uma vida alegre e entregue a vontade Divina.”, enfatizou Padre Paulo Vital, Pároco do Santuário da Abadia.

Véspera de Todos os Santos

Segundo a igreja, o Halloween surgiu inicialmente como uma festa católica, a expressão em inglês veio de “All Holies Eve”,  do inglês “Véspera de Todos os Santos”, mas com o passar do tempo, o evento se distanciou deste propósito, e o 31 de outubro se tornou uma festa pagã, exaltando os mortos longe dos ideais cristãos.

Em muitos lugares do mundo, paróquias, grupos e comunidades estão se mobilizando para retomar sua ideia inicial com o “Holywins”, a Festa de Todos os Santos. O termo se traduz do inglês por “Santidade vence”. Em muitas dessas festividades, doces, brincadeiras e a fantasia não é deixada de lado, mas ganha personagens diferentes como Maria, São José, São Francisco, Santa Teresinha, monges, padres, freiras e até papas, figuras que remetem Deus.

Mais notícias