MidiaMAIS / Culinária

Receita de Frango de Pessach com biscoitos de matzá

Esta receita judaica é preparada para uma data muito especial, o Pessach. É feita com páprica picante, que combina muito com frango

Carlos Yukio Publicado em 31/03/2021, às 10h29

None
Receita de Frango de Pessach com biscoitos de matzá

Esta receita judaica é preparada para uma data muito especial, o Pessach. É feita com páprica picante, que combina muito com frango e ressalta o sabor dos outros ingredientes. Uma das festas mais tradicionais do cristianismo é a Páscoa, comemorada sempre no primeiro domingo após a lua cheia ocorrida com o fim do equinócio de primavera/outono.

Essa festa, por sua vez, não é originária do cristianismo, e sim do judaísmo, religião tradicional dos hebreus. A Páscoa judaica é uma tradição milenar que relembra a libertação do povo hebreu.

Calendário e Páscoa Judaica

O calendário judeu (ou calendário hebraico) é conhecido por ser um calendário lunissolar, isto é, que se baseia nos ciclos da Lua e do Sol. A Páscoa judaica é comemorada anualmente no dia 14 de nissan (ou nisã), pelo fato de que a primeira Páscoa comemorada pelos judeus, enquanto eram escravos no Egito, aconteceu nos dias 14 e 15 de nissan, há cerca de 3500 anos.

A primeira Páscoa aconteceu no contexto da escravidão dos hebreus no Egito. Esses, originários de Abraão, estabeleceram-se em Canaã e, depois de um tempo de seca e falta de alimentos, mudaram-se para o Egito, local no qual acabaram sendo escravizados. A libertação dos hebreus foi realizada por Moisés, logo após a execução das dez pragas no Egito, segundo a narrativa judaica.

A Páscoa judaica aconteceu pouco antes da execução da décima praga, na qual o anjo da morte desceu ao Egito e matou todos os primogênitos daquela terra. O anjo da morte só não passou pelas casas daqueles que haviam seguido as ordens de Javé realizando a festa, da forma conforme havia sido ordenada, e passando o sangue do cordeiro nos umbrais de suas portas.

Após a décima praga, os hebreus foram libertos da escravidão e autorizados a retornarem para Canaã. A primeira Páscoa, ou Pessach, celebrada pelos judeus, ainda no período do cativeiro no Egito.

Ingredientes Frango de Pessach

  • 5 sobrecoxas de frango
  • 1 pimentão vermelho
  • 3 biscoitos de matzá
  • 3 dentes de alho
  • caldo de ½ limão
  • 4 colheres (sopa) de óleo
  • 2 cebolas grandes picadas
  • 1 colher (chá) de páprica picante
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto
  • 1 colher (sopa) de salsinha

Modo de Preparo

Corte o pimentão ao meio, no sentido do comprimento. Descarte as sementes e corte as metades em cubinhos. Reserve. No processador de alimentos ou no liquidificador, bata os biscoitos de matzá até obter um farelo. Reseve.

Sob água corrente, lave bem as sobrecoxas de frango. Transfira para uma tigela, junte o sal, a pimenta-do-reino, o alho e o limão. Esfregue a mistura nas sobrecoxas do frango.

Leve uma panela grande com o óleo ao fogo médio. Quando aquecer, junte as sobrecoxas e deixe dourar por 5 minutos de cada lado. Não mexa, para formar uma crosta dourada.

Junte a cebola e refogue até murchar. Cubra com água, acrescente o farelo de matzá, a páprica e misture bem. Tempere com sal e pimenta-do-reino. Tampe a panela e deixe cozinhar por mais 5 minutos.

Junte os cubinhos de pimentão e misture bem. Deixe cozinhar por mais 5 minutos ou até o molho engrossar um pouco. Misture a salsinha picada e sirva a seguir.

Jornal Midiamax