Esta é a melhor receita de panetone clássico que você poderia encontrar

Pode ser feita com frutas ou chocolate

Natal tem que ter panetone, sim! Entre as inúmeras variações, a versão clássica quando bem feita agrada a todos. Claro, desde que as frutas e passas sejam substituídas por chocolate para aqueles que não gostam do panetone tradicional.

A história deste pão doce pode ter um fundo bem romântico, mas não há confirmação de que essas origens sejam verdadeiras. O que corre pela internet afora é que a criação dessa iguaria remontaria à Itália da época de Ludovico, o Mouro (1452 – 1508).

Um jovem de Milão chamado Toni (provavelmente um apelido para Antonio) trabalhava na padaria Della Grazia e, apaixonado pela filha do patrão, teria inventado o pão doce para impressionar o pai de sua amada. A criação teria caído no gosto dos milaneses, que passaram a pedir o “Pani de Toni”, que evoluiu para o “panattón” (vocábulo milanês), e depois para “panettone” (italiano).

O site Infoescola tem ainda outra versão para a origem do Panetone. O pão teria sido inventado na corte de Ludovico, o Mouro, na véspera do Natal, entre os anos de 1494-1500. Sempre comemorado com grandes banquetes, em um dos Natais, a sobremesa que havia sido preparada teria sido queimada. Aqui também um jovem chamado Antonio seria o responsável pela iguaria. Ele havia preparado uma massa com sobras de ingredientes, que pretendia levar para sua casa. Sem outra opção, ofereceu sua criação para servir como sobremesa para a corte. A sobremesa foi tão apreciada que Ludovico perguntou qual o nome da iguaria. O jovem Antonio, foi chamado para responder a pergunta de Ludovico e disse que a sobremesa não tinha nome. Ludovico resolveu chamá-la de “Pani de Toni”, dando origem ao nome.

Esta receita é ótima pois leva ingredientes que você normalmente já tem em casa, ou seja, não são necessárias essências específicas. Você pode substituir as frutas cristalizadas e uvas passas por chocolate picado e ainda colocar castanhas ou nozes. Esta receita rende 3 panetones de aproximadamente 500 g.

Panetone

Ingredientes

2 ovos
1 colher (chá) de sal
8 a 10 colheres (sopa) de açúcar
1 e 1/2 xícara (chá) de leite morno
100 g de manteiga
1 colher (sopa) de óleo
essência de baunilha a gosto
raspas de casca de laranja a gosto (eu coloquei de uma quase inteira)
1/3 de xícara de vinho Branco
5 xícaras de trigo
30 g de fermento biológico seco
200 g de uva passa
200 g de frutas cristalizadas
(se desejar troque as frutas por chocolate e amêndoas e/ou nozes)

Junte os ovos, açúcar e sal e mexa bem. Amorne o leite com a manteiga e adicione à mistura anterior. Junte o óleo, a baunilha, as raspas de laranja e vinho. Misture. Adicione o trigo e o fermento aos poucos. A massa deve ficar um pouco mais espessa que a massa de um bolo.

Adicione as frutas ou chocolate. Se for usar chocolate, prefira o meio amargo e deixe no congelador antes de adicionar à massa.

Coloque em três formas de panetone e deixe em um lugar quente para crescer. Depois de crescidos passe gema de ovo antes de assar. Leve ao forno médio, pré-aquecido, por cerca de 30 a 40 minutos, ou até que fiquem dourados.


Fale MAIS!

O que você gostaria de ler no MidiaMAIS? Envie sua sugestão para o e-mail [email protected], ou pelos telefones 67 99965-7898/3312-7422.
Siga a gente no Instagram – @midia_mais_

Mais notícias