Família da Moreninhas faz marmitas para pagar tratamentos médicos de avó e neta

A família Morais fazia bolos tsunami para arcar com os remédios da matriarca Lidiane, que descobriu um novo câncer

Em junho de 2020, contamos aqui no MidiaMAIS a história da família Morais, do bairro moreninhas, que se mobilizou durante a pandemia para vender bolos Tsunami e pagar o tratamento da matriarca Lidiane Morais. Após a retirada da mama, Lidiane descobrir um novo câncer na coluna e a filha, Rute, decidiu fazer marmitas e uma vaquinha para arcar com as despesas.

A notícia do novo câncer em outra parte do corpo veio de forma repentina em julho. Lidaine começou a se queixar de dores nas costas recorrentes fortes e precisou ser hospitalizada. A família procurou um ortopedista que pediu exames e a diagnosticou com uma hérnia de disco, uma lesão nas vértebras da coluna espinhal.

Família da Moreninhas faz marmitas para pagar tratamentos médicos de avó e neta
A filha, Rute Morais que teve a ideia de fazer bolos para custear o tratamento de câncer da mãe, Lidiane (Reprodução, Arquivo Pessoal)

“Dois dias depois ela tinha uma consulta com o oncologista e ficou internada em observação porque a dor havia piorado ainda mais. O médico nos disse que ela tinha uma nova metástase (formação de uma nova lesão tumoral a partir de outra) e que precisava de um novo tratamento”, conta a filha, Rute.

A família ficou desolada porque achavam que os problemas de saúde haviam acabado. Apesar disso, e munidos de fé, não desistiram e Lidiane fez 10 sessões de radioterapia de segunda à sexta, mesmo com as contas chegando.

“Choro, vômito, mal estar, contas e a gente sem saber o que fazer… Nossa cabeça estava naquilo mas Deus estava ali conosco. Não faltou a água ou comida. Nesse sábado, ela fez 47 exames para poder saber se está só na coluna ou em mais alguma parte do corpo”, relembra Rute.

Novo susto

Em agosto, a avó e os tios fizeram uma vaquinha online para que a filha de Rute, Nicolly, de 4 anos, pudesse ir ao ortopedista depois de queixas de dores no corpo. Segundo a mãe, a menina tinha a mesma reclamação desde 1 ano de idade e os médicos diziam que era ‘dor de crescimento’.

“Minha avó não engolia aquele diagnóstico porque quanto mais o tempo passava, mais a dor dela aumentava. Dia 19 de agosto, levei ela no ortopedista e os exames diagnosticaram reumatismo no sangue e no osso, além do calcanhar dela estar quebrado em 3 partes por conta do reumatismo estar alto. Deus, como aquilo me doeu, mas não paramos”.

Família da Moreninhas faz marmitas para pagar tratamentos médicos de avó e neta
(Divulgação)

Para arcar com o tratamento do câncer da mãe na coluna e do reumatismo da filha, Rute teve a ideia de fazer marmitas e divulgar uma vaquinha pelas redes sociais. A família toda topou a iniciativa e participará no preparo das marmitas e entrega, para evitar aglomerações.

Os lucros serão destinados à compra dos remédios do combate ao câncer de Lidiane. Além de consulta com reumatologista pediátrico, fisioterapia e uma bota com uma palmilha especial para a filha, Nicolly.

Interessados em ajudar a família podem fazer doações de qualquer quantia na Vakinha Online ou entrar em contato pelo telefone (67)99677-7216 para reservas. As marmitas acompanham arroz, strogonoff, batata palha e sobremesa.

Família da Moreninhas faz marmitas para pagar tratamentos médicos de avó e neta
Mais notícias