Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data

Separados por distâncias enormes, às vezes por estados, por causa da quarentena esses casais de pombinhos terão que usar a criatividade

Com a do coronavírus ainda crescente no Brasil, algumas datas comemorativas tradicionais tem que ser adaptadas para esse cenário de isolamento social. O Dia dos Nados no próximo dia 12 de junho não é uma exceção. Casais são obrigados a encontrar outras formas de comemorar a data ‘juntos’ e, ao mesmo tempo, separados por distâncias enormes.

Os estudantes Gerson Wassouf e Lara Oliveira estão em um dos grupos de casais mais afetados pelo distanciamento social da . Os acadêmicos, grande parte das vezes, vêm de outros estados e cidades para estudar em Campo Grande. Com a quarentena, muitos voltaram para casa para cortar gastos.

“Desde sempre a gente teve que se acostumar com a distância nas férias, porque eu sou de Corumbá e sempre nas férias ia pra minha cidade ficar um pouco com a minha família e acaba ficando semanas longe dela”, conta Gerson ao Midiamax.

A quarentena está mantendo os pombinhos afastados mais tempo do que estavam acostumados, por causa da já passaram mais de um mês distantes 428 km.

Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data
Reprodução, Arquivo Pessoal

No dia 18 de maio completaram 2 anos de no e Gerson conseguiu ficar duas semanas em Campo Grande, vindo de carona para evitar maior contaminação, e comemorar o aniversário do casal ao lado de Lara. Apesar do breve encontro, já voltou para o interior.

“Hoje já estou de volta em Corumbá e já com saudades dela. Planejamos passar o Dia dos Nados conversando muito e rindo juntos, mas tudo por vídeo. É o melhor que podemos fazer neste momento. Nos amamos muito e não queremos deixar que a distância influencie de maneira negativa no nosso relacionamento, e esperamos que tudo isso passe logo”, conta o estudante que também planejou uma surpresa secreta.

Primeira vez longe

Larissa Adami da Silva e Fabiano Ribeiro também passam pela mesma situação. Ambos estudantes em Campo Grande, ela se mudou para cá de Jales, no interior de SP, e encontrou o .

Será o primeiro Dia dos Nados do Casal e serão obrigados a passar a data separados por quase 500 km. A jovem voltou para a cidade depois das aulas presenciais serem suspensas por conta do novo coronavírus.

No mês de junho, os dois comemoram 11 meses de no. O começou em 2019 em um bar universitário depois de trocas de olhares em um jogo de sinuca. Os amigos em comum os apresentaram e se conheceram à noite toda, mesmo sem flertes ou beijos.

Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data
Reprodução, Arquivo Pessoal

“Nós achamos essa história engraçada pq não era pra ter acontecido. Ele me contou depois que não queria ir ao bar aquele dia pois estava desanimado, tanto que era sua primeira vez lá. São pequenos detalhes que importam muito pra gente, tem bastante significado”, conta a estudante.

No dia seguinte, Larissa já estava de malas prontas para passar as férias em sua cidade natal no interior de SP. Combinaram de se ver assim que ela voltasse de viagem, e assim foi. Depois de um filme, não desgrudaram mais e nem precisaram de um pedido oficial de no.

“Há uma possibilidade de nos vermos, sempre há muitas caronas de CG pra cá e vice-versa. Como haverá o feriado do dia 11, há uma chance dele conseguir carona. O único problema é a questão da , né? O fluxo de caronas diminuiu e sempre há o medo da pessoa que esteja vindo carregar o vírus consigo”, relembra Larissa.

Grandes sacrifícios

Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data
Reprodução, Arquivo Pessoal

O estudante universitário Antônio Henrique … decidiu fazer diferente para encontrar a também estudante Juliana Mattos. Enquanto a nada planejava enviar um presente para ele aqui em Campo Grande, ele fez uma surpresa junto com a família dela. O jovem viajou 1.500 km de CG até Rio Branco no Mato Grosso na última sexta-feira (5).

“Na verdade, toda minha família me enganou, por que todo mundo sabia que ele iria vir. Até meu irmão foi em Cáceres, que é uma cidade vizinha daqui, para buscá-lo e eu não sabendo de nada. Hoje de manhã minha avó me acordou dizendo que iria vir visita pra casa mas eu não sabia que era ele. Quando ele chegou ficou na sala sentado no sofá. Não acreditei quando vi”, contou Juliana ao Midiamax.

Recém nados em 9 de maio deste ano, o casal se conhece deste setembro de 2019. Por mais que sempre se falam por celular e vídeo-chamada, nada conseguia diminuir a saudade. Os dois não queriam passar a data em branco e, por isso Juliana comprou um presente para Antônio ver que mesmo longe o coração e pensamento está sempre com ele.

“Eu sinto que devo fazer de tudo um pouco por essa garota. Ela me completa de verdade. E nós estamos muito bem, mesmo longe. É um relacionamento super agradável e saudável. É difícil de esconder minha felicidade”, conta Antônio.

Web Dia dos Nados

Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data

Já social media Ethieny Karen e o engenheiro civil Levi Kaique realmente começaram um ‘relacionamento EAD’. Separados por 900km, ele em Campinas-SP e ela em Campo Grande, os dois se conheceram pelo Twitter durante o período da quarentena.

Os dois passaram a ter mais intiade e saber da vida um do outro por vídeo-chamadas e telefonemas. Com isso, a relação cresceu e se tornou algo mais sério: um ‘webno’. Por esse motivo, o casal ainda não tem nem fotos juntos.

“Colocamos um trato de oficializar quando ele pudesse vir pra cá, mas com o não sabemos quando será possível. Começamos comentando as coisas um do outro e trocamos WhatsApp. Desde então, nos ligamos toda a noite por pelo menos 4 horas. Estamos esperando a acabar pra nos vermos pela primeira vez”, conta Karen.

A social media ainda planeja para o Dia dos Nados enviar presentes pelo correio para não passar a data em branco. A surpresa virá acompanhada de uma vídeo-chamada com coas em comum e o mesmo filme, para deixar a distância um pouco menor.

Dia dos Namorados: casais contam como irão superar quilômetros para comemorar a data
Mais notícias